Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Corte da Diversidade conheça os novos representantes de Canoas


Canoas conheceu sua nova Corte da Diversidade na noite de ontem em um desfile de beleza, desenvoltura e, principalmente, de representatividade. Ao todo, 19 candidatos disputaram a faixa em três categorias diferentes. Andrius Welling foi o vencedor da categoria Mister Diversidade; já a nova Miss Diversidade é Bethina Voggue; e Chris Siberino foi escolhida a Miss Trans Diversidade. O Destaque Diversidade 2018 foi escolhido pela população em uma votação online que obteve mais de 7 mil votos. A preferida do público foi Emma Squillaci Ribeiro. Além disso, ainda foram escolhidos os segundos lugares e a simpatia de cada categoria. Todos os vencedores irão representar Canoas em eventos oficiais LGBT e em atividades relacionadas à pauta dos direitos humanos.
Com muita beleza e glamour, os candidatos realizaram dois desfiles, um com trajes esporte, e o outro de gala. Além da beleza, postura e desenvoltura, os concorrentes também foram avaliados pela representatividade da causa LGBT na sociedade e pela resposta dada às perguntas dos sete jurados, que abordaram temas como o respeito à diversidade, a importância do protagonismo LGBT, a luta contra o preconceito, entre outros.
Confira todos os vencedores :
Miss Destaque Diversidade 2018 (escolha popular): Emma Squillaci Ribeiro
Categoria Mister Diversidade: Concorreram homens gays, bissexuais ou homens trans. 
Mister Diversidade: Andrius Welling 
Vice-Mister Diversidade: Dionatan Felipe Penna
Mister Simpatia: Igor da Silva Lamerão

Categoria Miss Diversidade – Concorreram homens que usam da arte do transformismo e se “montam” ocasionalmente, mas que no dia a dia não se identificam como travestis ou transexuais.
Miss Diversidade: Bethina Voggue 
Vice-Miss Diversidade: Tiffany O’ Hara
Miss Simpatia: Tiffany CJ

Categoria Miss Trans Diversidade – Concorreram mulheres travestis ou transexuais que tenham identidade de gênero oposta ao sexo biológico e que se percebem socialmente como pertencentes a esta identidade.
Miss Trans Diversidade: Chris Siberino 
Vice-Miss Trans Diversidade: Emma Squillaci Ribeiro
Miss Trans Simpatia: Rithielli Flores Evaldt


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estado repassa mais de R$ 8,7 milhões a hospitais da cidade

Após o recebimento e análise de parte dos documentos enviados pela Prefeitura de Canoas, a Secretaria da Saúde (SES) efetuou hoje, o rep...