Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Acidente com ônibus que cai de ribanceira,deixa 16 vitimas


Mais duas mortes foram confirmadas no acidente com ônibus que caiu de uma ribanceira na madrugada de ontem na rodovia Régis Bittencourt, em São Paulo. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), Valéria Santos Leite, de 44 anos, que constava no boletim de ocorrência como desconhecida foi identificada pelo filho, e Jucinéia Justino Leal, de 42 anos, morreu no Hospital Geral de Pirajussara.
Os nomes das outras vítimas são: Nelício Mário Engel, 52 anos, João Paulo Souza Lima, 23 anos, João Paulo Quintanilha Cordeiro, 19 anos, João da Silva Lima, 60 anos, Ademilde Guimarães Salles, 60 anos, Julio Cezar de Oliveira Salles, 65 anos, Justa Lindamir dos Anjos, 55 anos, Daniel Pinel de Souza, 60 anos, Maria Aparecida Alves da Silva, 59 anos, Erico Roberto Bittencourt, 30 anos, Iva Pereira da Silva, 40 anos, Gimena Aranda, 43 anos, Marcos de Oliveira da Silva, idade desconhecida, e Valéria Santos Leite, de 44 anos.
O ônibus da Penha viajava de Curitiba para o Rio de Janeiro, e perdeu o controle, por volta das 2h da manhã de ontem, na altura do Km 300 da via, na cidade de São Lourenço da Serra (SP). Entre os 55 ocupantes (contando com o motorista), 13 morreram na hora.
A empresa de ônibus divulgou nota solidarizando-se com os parentes e amigos das vítimas. A viação informou que disponibilizou acomodações em hotéis, despesas com deslocamentos aéreos e terrestres aos parentes dos passageiros internados, além de auxílios às vítimas que sobreviveram. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Senado devolve mandato a Aécio Neves

O Senado determinou o retorno de Aécio Neves (PSDB-MG) às suas funções de parlamentar. Por 44 votos a 26, a Casa derrubou decisão do Supr...