Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Estação Cidadania é inaugurada em Canoas


A Semana de Canoas comemora os 80 anos de emancipação político-administrativa do município entregando presentes para a população. Um desses presentes é a inauguração da Estação Cidadania, antigo Centro de Iniciação ao Esporte (CIE). O aparelho teve o nome modificado pelo Ministério da Cidadania, que comporta a Secretaria Especial do Esporte. O prefeito Luiz Carlos Busato recebeu o ministro da Cidadania, Osmar Terra, para a solenidade.
Com o foco de promover valores de cidadania, fortalecer vínculos familiares e comunitários, além de fomentar a participação social com o desenvolvimento de ações socioassistenciais, culturais e esportivas, a Estação Cidadania, em Canoas, vai abrigar um moderno ginásio para a prática de Ginástica Rítmica e Artística, com quadra em piso sintético, arquibancada para 177 pessoas, espaço para a prática de judô, academia, sala de professores, copa, enfermaria, vestiários, além de atender todos os requisitos de acessibilidade. O projeto também contempla, na área externa, uma pista de atletismo para a prática dos 100 metros rasos, salto em distância e arremessos.
O prefeito Luiz Carlos Busato ressaltou que a entrega da Estação Cidadania é um equipamento que vai fazer a diferença para a população do bairro Mathias Velho e para a cidade de Canoas. “Essa inauguração hoje vai beneficiar e muito a saúde, não só do corpo, mas da mente. Vamos, a partir daqui, fazer uma outra frente de atuação na prevenção da segurança. Queremos ocupar nossas crianças com atividades positivas. Queremos transformar Canoas em uma cidade cada vez melhor para se viver. Essa vai ser a verdadeira porta para a cidadania”, falou.
Ao todo, foram investidos na Estação Cidadania R$ 4.638.203,42, desse valor R$ 3,6 milhões de verba federal e R$ 1 milhão da Prefeitura de Canoas. O Rio Grande do Sul conta com sete contratos ativos, o que representa um investimento de R$ 24,5 milhões do governo federal. Estão contempladas as cidades de Canoas e Caxias do Sul com unidades inauguradas, Novo Hamburgo, Rio Grande, Santa Cruz do Sul, Uruguaiana e Viamão.
O ministro da cidadania, Osmar Terra, surpreendeu os presentes com a intenção de implementar a Estação Cidadania com mais aparelhos. “Tudo o que vocês estão vendo aqui é só a primeira etapa. Temos ainda a intenção de implementar o projeto com um teatro cinema. Vamos buscar os talentos que estão escondidos e dar uma oportunidade”, anunciou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Balaústre 67

Trata-se da ata da loja maçônica Philantropia e Liberdade, deliberando sobre a tomada de Porto Alegre durante a revolução Farroupilha, es...