Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

A Palavra Gaúcho


A origem da palavra gaúcho é muito discutida e tem sido causa de verdadeiras confusões.
Não é possível afirmar com segurança essa origem apesar dos estudos realizados por Buenaventura Caviglia Hijo escritor uruguaio, e pelos nossos conterrâneos, em especial Nelson de Senna e Augusto Meyer.
Vamos citar algumas hipóteses etimológicas: Gaúcho deriva de gauches, palavra usada na Espanha para expressar-se sobre vagabundos ou ladrões do Campo acostumados a a matar os touros de marrões, tirar-lhes o couro e levá-los, ocultos, para venda ou trocar por outros gêneros nos povoados (Augusto Meyer). Gaúcho deriva do Árabe chaouch, tropeiro, chamado na Espanha de chaucho, transformado na América em gaúcho (Emílio Daireaux). Outra hipótese é a de que a palavra venha de garrucho, portador de garrocha ou garrucha, lança de meia lua usada por changadores, pré-gaúchos, para caçar o gado (Daniel Granada, "Vocabulário Rioplatense Razonado"). O professor Rudolfo Lens, estudioso da língua araucana diz que é possível que a palavra venha do araucano "cacchú" ou "catcho" ou talvez "cauchu" pois assim chamavam os índios da região o Gaúcho. "Cachu" é sinônimo esperto, fino? arteiro e astuto. Tem muito a ver com o nosso campeiro, mas deixa a desejar por falta de testemunho histórico.
O historiador Paulo Groussac, diretor da Biblioteca Nacional de Buenos Aires, apresenta a tese de que o gaúcho venha de guacho, comosac chamamos os animais desamparados criados longe das Mães. Groussac admite a transposição por semelhança de guacho para Gaúcho.
Mas, deixando as hipóteses e passando a história, a primeira palavra a aparecer de forma literária é gaudério, designando um novo personagem do Pampa. Homem Sem Lei, não se sabe sua origem nem o porquê de gaudério. O que se sabe é que precedeu ao gaúcho. A primeira crônica que fala sobre o Gaudério foi escrita em 1773 por Concolorcorvo.
Segundo os estudiosos Gaudério é aquele que não tem ocupação, que vive as custas de outros, aqui e ali, errante, sem destino certo, cachorro gaudério, sem dono, parasita, amigo de viver à custa alheia, vagabundo.
Sobre a palavra Gaúcho, de forma literária, há pelo menos duas versões. A primeira que a palavra Gaúcho aparece escrita em castelhano (gahuchos) numa carta que um comandante de fronteira, no Uruguai Dom Pablo Carbone, escreveu a Espanha em 1771.
A segunda aparece em documentos uruguaios no Século XVIII. Manoel Cipriano de Melo, segundo comandante da aduana de Montevidéu, após expedição às fronteiras do Uruguai, descreveu em breve informe: "Os 18 presos que compreendem esta relação são Gaúchos vagos que foram presos por vadiagem - Parada de São Nicolas de Cerro Largo, 24 de março de 1791.

Por Tanise Ramos Feliciani

Nenhum comentário:

Postar um comentário

7ª ViEst

A 7ªedição do ViEst (Viagem de Estudos), promovido pela Guia Gisele Torres e pelo Luciano Bernardo Executivo da Ficare hotéis para o R...