Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Manifestantes e jornalistas agredidos em ato pró-Bolsonaro na Assembléia Legislativa

A manifestação LGBT, movimentos de mulheres e de defesa dos direitos humanos contra as ideias do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) terminou em pancadaria, nesta tarde , no auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa gaúcha. Após um protesto pacífico realizado em frente à Assembleia, um grupo de cerca de 80 ativistas entraram no auditório onde ocorria um ato em apoio a Bolsonaro para promover um “beijaço”. Cantando slogans como “A nossa luta é todo dia, contra o racismo e a homofobia”, os manifestantes ficaram  no topo da escadaria que dá acesso ao auditório. Quando começavam a sair, um participante do ato pró-Bolsonaro agrediu uma das manifestantes que logo foi socorrida por seus companheiros. Seguiu-se uma pancadaria em que partidários de Bolsonaro chegaram a derrubar um homem, que foi agredido a socos e pontapés e atingiu também jornalistas que cobriam a manifestação entre eles ,o repórter de política do Correio do Povo, Luiz Dibe,. Seguranças da Assembleia entraram em ação e os manifestantes voltaram para o lado de fora da Assembleia.
Bolsonaro passou a manhã concedendo entrevistas à imprensa em Porto Alegre, repetindo seus bordões contra gays, comunistas, petistas e tudo que guarde relação com os direitos humanos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Miss Brasil 2017 vítima de Racismo

No sábado, a estudante Monalysa Alcântara foi consagrada a Miss Brasil 2017, sendo a representante do país no Miss Universo, que ainda ...