Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Hospital Universitário terá mais 12 leitos de UTI para tratamento do coronavírus

Entram em funcionamento 12 novos leitos em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Universitário. 
Eles serão usados exclusivamente para tratamento de casos graves do novo coronavírus. Essa ampliação se junta aos esforços realizados pela Prefeitura de Canoas para aumentar o número de vagas em UTI, que já havia criado 26 leitos para casos graves. 
Agora, a cidade passa a contar com 44 leitos de UTI exclusivos para o combate ao coronavírus, além de 220 leitos clínicos, também criados durante a pandemia. 
A ampliação de leitos é uma resposta da Prefeitura de Canoas para a grande taxa de ocupação de UTIs no Rio Grande Sul. 
Com o pico do coronavírus se aproximando, já que especialistas e universidades apontam que o estado terá na segunda quinzena de agosto o pior momento da pandemia, a cidade está colocando em prática o planejamento assistencial que vem sendo elaborado desde fevereiro.
Este planejamento já possibilitou a abertura de dois hospitais de campanha, que, juntos, têm 20 leitos clínicos e quatro de UTI e já atenderam mais de 5.000 pessoas. 
Além disso, foram feitas ações para levar serviços e alimentos nas casas dos canoenses, beneficiando mais de 60.000 cidadãos. 
A ampliação dos leitos no Hospital Universitário foi possível graças ao trabalho de reconstrução que a Prefeitura de Canoas vem executando há três anos. 
A casa de saúde teve 90% de sua estrutura reformada e modernizada, mais profissionais foram contratados e os protocolos de atendimento foram reformulados, ficando iguais aos executados pelo hospital Sírio-Libanês, referência nacional em cuidados. 
Para o prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, é um acréscimo fundamental na estrutura de assistência de combate ao coronavírus. 
“É uma conquista muito importante para a cidade. 
Todos nós estamos muito preocupados com a ocupação das UTIs e, com mais 12 leitos, teremos um alento”, disse. 
Ele também aproveitou para agradecer a todos os profissionais que têm atuado na linha de frente do combate ao vírus. “São nossos heróis. 
Dia e noite estão dentro dos hospitais salvando vidas, cuidado de pessoas em situação complicada, mas trabalhando com coragem, amor e carinho”.   
Ampliação de leitos :
Desde que iniciou a pandemia do coronavírus, a Prefeitura já abriu 266 novos leitos. 
Deste total, 38 em unidades de terapia intensiva e 228 em alas clínicas. Somente o Hospital Universitário teve sua capacidade clínica aumentada em 200 leitos, a partir das reformas dos 8º e 9º andares, que estavam desativados há vários anos. 
Também houve aumento de leitos em UTI no Hospital de Pronto Socorro para o atendimento de acidentes e outros traumas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Governo altera protocolos de bandeira vermelha para restaurantes e comércio não essencial

O Gabinete de Crise do governo do Estado deliberou, nesta tarde alterações nos protocolos sugeridos para a bandeira vermelha, que classi...