Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

90% do território gaúcho com bandeira vermelha

O agravamento da pandemia deixou em vermelho quase todo o Rio Grande do Sul. 
Das 20 regiões do Distanciamento Controlado, apenas duas foram classificadas com bandeira laranja (risco médio) no mapa preliminar da 11ª rodada, divulgado hoje. 
Significa que 90% do Estado apresenta alto risco para disseminação de coronavírus e ocupação de leitos. 
As bandeiras definitivas serão divulgadas na segunda-feira. 
Assim 469 municípios (do total de 497) estarão preliminarmente classificados em bandeira vermelha.
Em  11 semanas de Distanciamento Controlado, o RS segue sem registro da bandeira mais grave, de cor preta.
No entanto, as equipes do governo alertam para a situação de cinco regiões que ficaram muito próximas de migrarem para o nível de risco altíssimo.
Para atingir a bandeira preta, o arredondamento da média ponderada dos 11 indicadores deve alcançar, no mínimo, 2,5, enquanto a da bandeira vermelha é 1,5. 
Nesta rodada, Taquara ficou média de 2,40, Porto Alegre (2,36), Capão da Canoa (2,33) e Novo Hamburgo e Canoas (2,25).
Um dos principais agravantes nestas regiões é o número de novos registros de hospitalizações nos últimos sete dias por local de residência do paciente.
A capital teve 334 novas hospitalizações; Novo Hamburgo, 99; e Canoas, 47.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Começa operar, amanhã, desvio das obras da nova Ponte do Guaíba

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) informa que devido ao avanço das obras da nova Ponte do Guaíba entra em o...