Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Nota Oficial da Presidente eleita do MTG

Caros gaúchos e gaúchas
Comunicamos a todos que, no final da manhã desta sexta-feira, 24, um oficial de justiça intimou formalmente ao MTG sobre a decisão judicial que nos garante assumir o cargo de presidente da entidade. Conforme  previsão no Regulamento Geral e no Estatuto Social, iremos realizar uma convocação extraordinária ao Conselho Diretor e demais interessados para fins de darmos cumprimento aos requisitos administrativos que foram interrompidos e que não estão sob judice, buscando, assim, dar legitimidade aos vice-presidentes e aos novos conselheiros eleitos.
Por outro lado, entendemos que, a partir deste momento, devemos unir esforços em defesa da nossa cultura e do nosso Rio Grande. Queremos a parceria de todos aqueles que lutam pela nossa identidade regional, independente de quem tenham apoiado no processo eleitoral. O tratamento será igualitário, a todos.
Iremos dar continuidade ao trabalho que  norteou nossa campanha, o “Fazer Agora”. E seguir no diálogo com a sociedade, com os poderes constituídos e, especialmente, com todos os apaixonados pela  gauchismo e que, por alguma razão, não fazem parte de nosso MTG. Queremos acolher a todos em nossos galpões.
Pregamos um movimento inclusivo, propositivo sem ser impositivo, e que lute, fundamentalmente, pelo fortalecimento de nossas mais de 1,7 mil entidades filiadas, meta que perseguiremos do início ao fim de nossa gestão. Queremos, acima de tudo, garantir sustentabilidade aos nossos CTGs. Como dissemos na época da campanha, não podemos considerar como sendo prioritárias discussões como a largura da bombacha.
Defendemos a conscientização antes da cobrança, o diálogo em vez do embate e a união de todos por um tradicionalismo que não apenas resgate nosso protagonismo na defesa de nossa cultura regional, como também valorize o homem do campo e estimule a geração de emprego e renda a partir das tradições de nosso querido estado.
Com isso, queremos fazer cumprir nossa Carta de Princípios que, em seu artigo primeiro , prega que devemos “auxiliar o Estado na solução dos seus problemas fundamentais e na conquista do bem coletivo”. E isso passa, necessariamente, por um MTG forte e coeso.
Um abraço
Gilda Galeazzi
Presidente eleita do Movimento Tradicionalista Gaúcho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Incêndio em empresa de onibus na BR 116 em Canoas

Um incêndio de grandes proporções na Av.Getulio Vargas pista lateral da BR 116 esquina com Rua Guarujá, bairro S.José em Canoas,consumiu v...