Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Recomeçar estimula ressocialização de apenados em Canoas


Apostando na eficiência da ressocialização de apenados, a prefeitura de Canoas, ampliou o Programa Recomeçar. O governador Eduardo Leite acompanhou a assinatura, nesta manhã do convênio entre a prefeitura e o Estado. O programa aumenta o número de apenados dos regimes aberto e semiaberto que prestam serviços ao município trabalhando em áreas públicas, como praças ou escolas.
Até agora, 80 apenados foram contemplados. A assinatura do convênio ampliará a participação para até 180. A cada três dias de trabalho, os detentos ganham a remissão de um dia da pena, além de uma bolsa-auxílio em dinheiro.
O governador Leite explicou que, uma vez que os presidiários, ao fim do tempo de punição, retornarão à convivência em sociedade, é responsabilidade de todos reabilitá-los a esse convívio. “Quando alguém comete um delito, o erro é individual, mas a falha é coletiva”, ponderou. Destacando o compromisso do Estado em promover a ressocialização, o governador parabenizou a iniciativa de Canoas e ressaltou que o modelo deverá ser levado a outras cidades.
O prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, detalhou que, além de reparos em praças, escolas e vias públicas, os apenados também confeccionarão, em um segundo momento, roupas de cama e uniformes escolares. A interação com a sociedade tem transcorrido sem qualquer transtorno, relatou o prefeito.

RS Seguro:

Na manhã desta quinta-feira, o governo do Estado lançou, no Palácio Piratini, o RS Seguro, programa que envolve vários secretarias e órgãos públicos. A ressocialização de apenados é, também, uma das prioridades do plano, que terá ações específicas para o sistema prisional.
Com quatro eixos de atuação, o RS Seguro foca áreas com indicadores de maior criminalidade e vulnerabilidade socioeconômica, e prioriza, ao lado do combate ao crime, políticas sociais preventivas e transversais, serviços de segurança e sistema prisional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sindicato dos Jornalistas do RS,tem nova presidente.

Pela primeira vez na história de 76 anos do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do RS (Sindjors), uma mulher negra assumirá a presidê...