Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Defesa Civil segue monitorando a prainha e Rua da Barca

A Defesa Civil de Canoas segue monitorando a situação da Praia de Paquetá e Rua da Barca. Às 15h, o nível do rio dos Sinos era de 3,50 metros. Segundo a previsão da MetSul Meteorologia, o alerta está mantido em razão da elevação acentuada do nível do rio na Prainha do Paquetá, que vai continuar subindo devido à descida de muita água da Serra para a bacia do Rio do Sinos. O vento do quadrante Sul também mantém o represamento na Lagoa dos Patos e Guaíba, agravando a elevação do nível do rio. A previsão é de cheia significativa nos próximos dias. As equipes da Prefeitura seguem em alerta.
Em Canoas, de domingo até quarta-feira o volume acumulado de chuva foi de 215 mm. Isso significa quase o dobro da média esperada para todo o mês de outubro.
Nesta madrugada, a imagem de satélite mostrava nuvens espalhadas pelo Sul, Leste e Norte do Rio Grande do Sul, mas com desenvolvimento mais significativo somente junto à divisa com Santa Catarina.

Fonte: Iara Gonçalves Secom/PMC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Explosão de caldeira faz vitimas fatais em Taquara

Duas pessoas morreram nesta manhã  na explosão de uma caldeira em um frigorífico localizado na cidade de Taquara, no Vale do Paranhana. ...