Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Conferência debate garantia de direitos e respeito à diversidade

Com a finalidade de construir e aprimorar coletivamente as políticas públicas para a população LGBT, a fim de sugerir medidas com o intuito de prevenir e enfrentar a lesbofobia, homofobia, bifobia e transfobia no Município de Canoas, a Prefeitura realizou  ontem, a 1ª Conferência Municipal dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT) de Canoas, no Auditório Sady Schiwitz do Paço Municipal. O evento contou com 130 inscritos.
Na abertura, o prefeito Jairo Jorge reiterou que não existe democracia com preconceito, por isso é preciso construir políticas públicas de combate a qualquer tipo de discriminação, como é o caso de Canoas, que é pioneira no Estado na criação Cartório da Diversidade, pioneiro no Estado, e da Rede Arco Íris, primeira rede de proteção à comunidade LGBT do País. Jairo Jorge reafirmou ainda, que a democracia só se sustenta na igualdade de oportunidades, construindo uma sociedade de respeito e tolerância.
De acordo com o secretário especial da Coordenadoria Municipal de Políticas das Diversidades e Comunidades Tradicionais, Rogério Ambieda, o Tigre, no que se refere à política LGBT, as conferências consolidam-se como a porta voz dos anseios da comunidade de gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais para que os recortes específicos sejam vistos com atenção pelos gestores de diversas áreas, em especial atendimento a saúde, políticas de segurança, inclusão escolar, inserção no mercado de trabalho etc.
A deputado federal Maria do Rosário, que palestrou no evento, destacou o trabalho da Prefeitura realizado na cidade em prol dos direitos da população LGBT, entre elas a Semana da Diversidade, a criação do Conselho Municipal LGBT e a própria Conferência Municipal. Ela destacou que a conferência é um espaço de diálogo e de apresentação de propostas que contribuem para o respeito à diversidade, transformando, assim, um lugar melhor para todas as pessoas. "Assim como a Lei Maria da Penha, e a lei contra o racismo, é preciso de uma legislação assegurando os direitos específicos para defender e garantir o que está reconhecido do princípio constitucional que todas as pessoas são iguais em dignidade e direito".

Fonte: Secom PMC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Imigrantes venezuelanos chegam hoje a Canoas

Nesta tarde, casais venezuelanos com filhos desembarcarão no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, e seguem até Canoas. As famílias fi...