Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Qual a idade de Canoas?

Sou canoense nascido na maternidade Neuza Goulart Brizola do Hospital Nossa Senhora das Graças, hoje não mais existente.
Sou jornalista e me fiz historiador e pesquisador tradicionalista, tendo como professores dentre outros Paixão Cortes, Cyro Dutra Ferreira e Nico Fagundes, ando pelas ruas desta cidade há praticamente 47 anos a serem completados em novembro.
Minha família veio para cá bem antes disto, meus avós paternos tinham sua residência na Rua Major Sezefredo, indo até a Rua Liberdade,era uma pequena chácara e hoje no local funciona um motel,uma empresa de caminhões e outra de água mineral.
Meus avós maternos residiam na Mathias velho,inclusive enfrentando as enchentes que assolaram a cidade.
Hoje estamos completando 76 anos de emancipação política de Gravataí e São Sebastião do Caí, mas o que havia por aqui,anteriormente?
A área onde hoje se localiza o município de Canoas era habitada por índios , quando em 1725 chegaram à região os tropeiros lagunistas e com eles o povoador e conquistador Francisco Pinto Bandeira. Inclusive havia uma placa em sua homenagem na Praça Emancipação. Em 1733 ele ganhou sesmarias de terras e criou a Fazenda Gravatai, que foi herdada mais tarde por Josefa Eufália de Azevedo (A Brigadeira). Posteriormente essas terras foram repartidas e vendidas
Em 1871 iniciou-se a construção da estrada de ferro que ligaria Novo Hamburgo a Porto Alegre . O primeiro trecho da ferrovia foi inaugurado em 14/04/1874 data que inclusive consta no brasão do municipio e na zona central de Canoas foi construída uma estação. O povoamento da região iniciou em torno desta estação férrea, que ficava no centro da Fazenda Gravataí
Os homens da guarda da estação utilizaram uma grande timbaúva na construção de uma canoa para o serviço da sede, situada às margens do rio dos Sinos. Novas embarcações foram feitas com árvores do mato que havia no local que, por esse motivo, ficou conhecido como Capão das Canoas, o que originou o nome da estação férrea, do povoado e, posteriormente, do município, que acabou sendo reduzido apenas para Canoas.
O major Vicente Ferrer da Silva Freire, proprietário da Fazenda Gravataí na ocasião, aproveitou a viação férrea para transformar suas terras em um lote de chácaras de veraneio, que ele pôs à venda. Ponto de referência obrigatório, o local passou a ser designado como Capão das Canoas. Logo, as grandes fazendas foram perdendo espaço para as pequenas propriedades, chácaras e granjas. Em 1908, Canoas recebe os irmãos Lassalistas que criaram uma escola agrícola, de ensino primário e de ensino secundário no centro da cidade. Em 1937 desloca-se para a localidade o 3º Regimento de Aviação Militar (RAV), hoje o 5º Comando Aéreo Regional (V Comar), isto foi decisivo para que ocorresse a emancipação do município. 
A emancipação ocorreu em 27/06/1939 e a posse do 1º prefeito Edegar Braga da Fontoura, ocorreu em 15/01/1940.
Aliás aí está a explicação do motivo de uma importante avenida de nossa cidade se chamar de 15 de Janeiro.
O presente texto quer convidar para uma reflexão,pois dos anos de 1874 quando foi inaugurada a Estrada de Ferro,inclusive com uma estação na localidade,provando que já era habitada, até 1939,perde-se 65 anos de história.
Outro fato a ser levado em conta,quando em 1908,Canoas foi elevada a Capela Curada, o que poderia ser também uma data de Fundação do Municipio, pois existem muitas cidades que consideram seu inicio de povoamento com a Igreja,pois não haviam serviços notoriais e os registros eram feitos por meio de certidões de batizado e casamento nos Livros Tombo paroquiais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Classificatória do Enart movimenta Canoas nos dias 21 e 22 de outubro

Os tradicionalistas de Canoas nem começaram a sentir saudades da melhor semana para os gaúchos, a Semana Farroupilha, e já têm motivos ...