Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

O Tempo e o Vento

A minissérie, que estreiou ontem, na Globo, ganha uma nova versão, um pouco diferenciada da que foi ao ar no cinema em setembro. Conta a história de amor entre Bibiana (Marjorie Estiano) e Capitão Rodrigo (Thiago Lacerda), em meio aos conflitos de duas famílias opostas, os Terra Cambará e os Amaral, que viveram em confronto por mais de 150 anos. As histórias do pampa e das guerras que encheram o povo gaúcho de cicatrizes e memórias são narradas por Bibiana, a centenária Terra Cambará que relembra a trajetória de sua família, desde sua avó Ana Terra (Cleo Pires) até o final de sua vida.
Santa Fé é a cidade fictícia onde se passa a história central. Construída no Parque do Gaúcho, em Bagé, no Rio Grande do Sul, a cidade cenográfica ocupa 10 mil metros quadrados, conta com 17 edificações, envolveu mais de 200 trabalhadores durante mais de seis meses, e permanece na região como herança da população local.
Na obra, uma das mais importantes da literatura Gaúcha, Santa Fé foi fundada e erguida pelo imponente Ricardo Amaral (José de Abreu), que é quem acolhe Ana Terra. É em Santa Fé que ela reconstrói sua vida ao lado do filho ainda criança, Pedro (Eduardo Correa), após perder a família e suas terras em um ataque dos castelhanos. Dedicada e agradecida pelo acolhimento, Ana Terra não poderia imaginar que seus sucessores se tornariam os principais rivais da família Amaral.
O início desse combate se dá anos depois com a chegada do charmoso e divertido Capitão Rodrigo Cambará (Thiago Lacerda). Corajoso, o guerreiro de muitas batalhas, encantado pela filha de Pedro Terra (Cacá Amaral) e neta de Ana Terra, Bibiana (Marjorie Estiano), enfrenta bravamente os empecilhos de um romance que atravessa o tempo e prova que o amor é capaz de resistir às guerras.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Edição histórica de 45 anos do Festival começa hoje

A partir das 17h, a edição histórica do 45º Festival de Cinema de Gramado estará oficialmente aberta. A cerimônia de abertura acontece na...