Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Vereadores de Porto Alegre,dizem que o hino gaúcho é racista

A polêmica da vez gira em torno do hino Rio Grandense e sobre a vereadora Cmdte.Nadia (Dem) ex Brigadiana,ter chamado atenção aos colegas vereadores do PSOL por não terem se levantado na execução do mesmo quando da posse legislativa,ocorrida na sexta-feira 01 de janeiro.

Os vereadores se manifestaram dizendo ser o hino racista por conter em sua estrofe a frase : Povo que não tem virtude acaba por ser escravo.

Creio que deveriam ter se levantado ao menos em atitude de respeito ao compositor do hino Joaquim José de Mendanha,que era negro.

A mesma polêmica já tinha surgido anos atrás com um conhecido repórter baiano engajado nas comunidades periféricas, que atuou em emissora local e hoje é repórter da Fátima Bernardes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fim de uma era: Renato não é mais técnico do Grêmio

O Conselho Administrativo do Grêmio se reuniu nesta manhã e, após o encontro, o presidente gremista, Romildo Bolzan Jr., se dirigiu ao hotel...