Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Antonio Canabarro Trois Filho,o Tonito ,Cidadão Canoense.

Aos 94 anos de idade Antônio Canabarro Tróis Filho, o Tonito, foi agraciado nesta tarde pela Câmara Municipal com o Titulo de Cidadão Canoense em proposição do Verador Aloisio Bamberg.
Tonito nasceu em São Francisco de Assis, no dia 27 de novembro de 1926.
Reside em Canoas desde 1941. 
Como jornalista, colaborou nos jornais locais Correio de Canoas, Expressão, Gazeta de Notícias, O Gaúcho, Radar, Folha de Canoas e Diário de Canoas. 
Foi co-fundador, em 1965, de O Momento, que dirigiu até 1958. 
É co-fundador do jornal O Timoneiro, que dirigiu de 1966 a 1922.
Em 1967/68, foi redator e cronista da Folha da Tarde, de Porto Alegre.
Atualmente segue colaborando como colunista do jornal Timoneiro, sempre abordando assuntos ligados à cultura e às pessoas de Canoas.
Em 1976, conquistou o 3º lugar em concurso nacional de crônicas promovido pelo Instituto Estadual do Livro e a Associação Rio-Grandense de Imprensa. 
Foi Patrono da Feira do Livro de Canoas, em 1999.
É co-fundador da Associação Canoense de Comunicação Social, da Fundação Cultural de Canoas, da Associação Canoense de Escritores, e membro da Casa do Poeta de Canoas. 
Exerceu a vereança no município pelo PDC (Partido Democrata Cristão), entre 1964 e 1967. 
Foi autor, entre outros, do Projeto de Lei que criou o Conselho Municipal de Cultura.
Dentre seus livros publicados estão:
– O Sal e o Blá (crônicas);
– Hino das Vilas (poemeto histórico);
– Postais (poemas);
– Boi Gordo é o Governo (versos satíricos);
– Doce Exílio (crônicas);
– Da Cabeça de Deus Todos os Pensamentos (versos sobre pensamentos clássicos);
– Urgência de Eternidade (poemas);
– Flagelo faz 40 anos (coletânea de notícias / poesia), com Moacir Ayres da Siqueira;
– Gente é mais importante (histórias sobre canoenses).

Foto : Marco Leite

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PRF apreende mais de 100 kg de maconha e prende dois homens em Lajeado

A polícia Rodoviária Federal prendeu uma dupla de traficantes com mais de 100 quilos de maconha na noite de ontem na BR 386, em Lajeado. Dur...