Juramento do Jornalista

Juro exercer a função de jornalista assumindo o compromisso com a verdade e a informação. Atuarei dentro dos princípios universais de justiça e democracia, garantindo principalmente o direito do cidadão à informação. Buscarei o aprimoramento das relações humanas e sociais,através da crítica e análise da sociedade,visando um futuro mais digno e mais justo para todos os cidadãos brasileiros.

Competitividade marca credenciadoras ao Freio de Ouro‏

O ciclo 2015 do Freio de Ouro já está movimentando ginetes e criadores pelo país. Nas diversas credenciadoras realizadas até o momento, desponta mais uma vez a qualidade dos animais em pista. A promessa é que novamente o circuito será disputado e não apresente favoritos até a corrida final em Esteio durante a Expointer.
Para o vice-presidente de Eventos da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Luís Rodolfo Machado, mais uma vez a raça Crioula deve comprovar um grande nível dos competidores, com animais preparados para uma disputa acirrada do ciclo. "Estamos vendo um melhor nível do que no ano passado. Todos os anos temos um passo a mais no que diz respeito à qualidade e competitividade dos animais", observa
A novidade deste ano é a realização de credenciadoras mistas, onde animais inéditos e já experientes nas provas competem lado a lado. Conforme Machado, a alteração na regra fez com que a exigência também aumentasse. "Os ginetes estão preparando melhor os animais e o fato de eles correrem juntos faz com que também tenhamos mais animais de boa performance em pista nos eventos", salienta.
O ginete Gabriel Marty concorda com a afirmação, ressaltando que a competitividade é maior especialmente para os animais inéditos. Lembrou também que esta nova fórmula facilitou a logística para levar os animais para as credenciadoras. "Um dos benefícios das credenciadoras mistas é o número maior de cavalos que se pode correr em um final de semana. Conseguimos sair com maior números de animais para a pista, tanto inéditos quanto já experientes", afirma.
Marty já classificou sete animais para as classificatórias ao Freio de Ouro. Entre as apostas dos inéditos estão Abre Cancha da 3J, AS Malke Safira e Estância do Macanudo.

Fonte: Nestor Tipa Júnior AgroEffective 

Assessoria de Comunicação da ABCCC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Miss Brasil 2017 vítima de Racismo

No sábado, a estudante Monalysa Alcântara foi consagrada a Miss Brasil 2017, sendo a representante do país no Miss Universo, que ainda ...